DESAPEGO

desapego

Chega um momento em que se faz necessária uma faxina na alma. É um momento muito particular, em que só nós sabemos o que deve ser jogado fora e o que deve ser guardado; mas é certo que após a faxina tudo deve ficar em seu devido lugar.

Percebemos então que há muita coisa de nosso passado que fica ali, só empoeirando, sem a menor necessidade de ocupar espaço dentro de nós. Essas “tralhas”, coisas velhas que já perderam totalmente a utilidade em nossas vidas, ficam ocupando espaços que deveriam estar disponíveis para que pudéssemos viver coisas novas, para que pudéssemos guardar novos tesouros.

Assim, o desapego é extremamente necessário para que possamos viver com mais leveza, para que possamos aprender novas lições e experimentar novos sentimentos. Se apegar ao passado é se privar de viver o presente e comprometer um futuro que pode e deve ser bem melhor. Embora o passado tenha lhe trazido até o presente, ele não pode definir quem você é. Apesar das desculpas que inventamos, apesar dos “culpados” que encontramos pelo caminho, sempre somos nós que decidimos o que é importante em nossas vidas, somos nós que decidimos o que fica e o que é deixado para trás.

Lição aprendida, pé na estrada; é assim que se cumpre uma jornada.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s