Vakinha – Habitantes do Cosmos

Oie!

Eu, Francélia Pereira, abri uma conta no Vakinha recentemente para poder receber contribuições de todos que, assim como eu, acreditam no projeto Habitantes do Cosmos, que é uma Light Novel nacional na qual crio personagens com as nossas características. Esses personagens interagem através de histórias inspiradas no nosso Folclore, ou seja, nas nossas tradições, mitos, lendas e no nosso modo de ver o mundo.

COMO SURGIU A SÉRIE HABITANTES DO COSMOS

Habitantes do Cosmos surgiu da vontade de ver personagens com características brasileiras atuando em uma história de ficção científica.

Desde pequena sempre senti falta de ver o Brasil representado nas grandes histórias de sucesso na Literatura, no Cinema e na TV. Era muito bom assistir o Sítio do Pica Pau Amarelo ou ler os gibis da Mônica, mas não me lembro de livros, animações ou filmes brasileiros dentro dos moldes internacionais de sucesso.

O Japão conseguiu um espaço muito grande contando histórias da sua Cultura através dos games, mangás e animes. Europa e EUA sempre tiveram espaço garantido nas grandes mídias, divulgando suas Culturas, seus heróis… Mas muitos países ficaram de fora, e um deles é o nosso amado Brasil.

Sempre me perguntei por que as grandes empresas de entretenimento nunca demonstraram interesse em contar nossas histórias, em criar personagens fortes com nossas características, então, um dia, parei de esperar alguma coisa dessas empresas e decidi eu mesma criar as histórias que sempre quis ler e assistir.

Assim surgiu Artemísia, uma guerreira do futuro que tem o DNA das lendárias Icamiabas da Amazônia, ou Andyrá, um mestiço que carrega a herança genética dos três continentes que estão na base da formação do povo brasileiro, ou seja, da América do Sul, Europa e África, sendo as características africanas as de mais destaque no personagem, que tem seu nome de origem Tupi.

Quem lê Habitantes do Cosmos vai encontrar a História da humanidade, mas contada sob uma perspectiva brasileira e, a cada volume, mais e mais do Brasil será mostrado.

Da minha parte, a história está garantida, mas preciso de ajuda para contá-la como ela merece. Uma história, profissional, precisa de revisor, diagramador, ilustrador, etc. e todos esses profissionais precisam receber por seus trabalhos, pois vivem do que fazem.

Então, se você pensa como eu, ou seja, se acredita que nossas histórias podem gerar excelentes obras de ficção, ajude esse projeto a crescer e vamos, juntos, deixar a marca da nossa Nação na História… de forma positiva

No momento preciso de ilustrações, pois minha série é uma Light Novel e esse gênero exige ilustrações.

Além de compor o gênero, as ilustrações são muito importantes para que o público veja as características dos personagens e possa se identificar com elas.

Para contribuir basta clicar aqui. ❤

DIVULGAÇÃO

Grupo Calangos em BH

Calangos2

 

Em maio, o Grupo Calangos, que é um grande divulgador do Folclore brasileiro, fará uma apresentação em Belo Horizonte. Confira as informações:

 

Calangos3O grupo de manifestações folclóricas Calangos, estará em cartaz com a peça “Expedições – Uma Viagem com Maria Bonita e Lampião”, com teatro, dança e resgate da memória popular brasileira.

Idealizado em 2012, o grupo Calangos foca a sua paixão e excelência em executar e promover as crenças e culturas regionais brasileiras, difundidas pelos antepassados. Para resgatar a memória popular das manifestações, o grupo realiza pesquisas de campo e gabinete para compreender melhor e difundir a coreografia, o figurino, histórias, folias, cancioneiros, lendas e cantigas.

Sinopse:

Maria Bonita e Lampião decidem realizar uma pequena viagem pelo Brasil, para assistirem as manifestações folclóricas do país. Através de danças, cancioneiros, folguedos e de brincadeiras, esse casal apaixonado e atrapalhado, se encanta com boa parte da bagagem da cultura popular e diversidade de algumas das regiões brasileiras, que os portugueses e africanos trouxeram de suas raízes e mesclaram com a dos índios que povoavam a pátria amada há 500 anos.

A peça acontecerá nos dia 6 de maio, no Teatro Nossa Senhora das Dores (Av. Francisco Sales, 77, Floresta). Os valores são R$12 adultos e R$10 infantil, antecipados e no dia da peça é R$ 15 valor único.

Mais informações no Blog ou na Fanpage.

Calangos1